Fonte: Thiago Gomes | Redação POL

O final de temporada será bastante inusitado: dependerá do Palmeiras uma possível conquista do Brasileiro 2010 pelo maior rival, o Corinthians. Coincidentemente, o Verdão encarará Fluminense e Cruzeiro, respectivamente, pelas duas últimas rodadas do Nacional-10. As duas equipes estão na parte de cima da tabela e disputam o título diretamente com os alvinegros paulistas.

Na rodada deste final de semana, o São Paulo foi goleado pelo Fluminense por 4 a 1 enquanto o Corinthians empatou com o Vitória, em 1 a 1. Como os corintianos estavam na frente por um ponto, com os resultados a situação se inverteu: os cariocas estão um ponto na frente dos paulistas.

O Palmeiras está priorizando totalmente a Copa Sulamericana. Aliás, o Alviverde de Palestra Itália está muito próxima de uma final inédita. O time de Felipão venceu o Goiás fora de casa por 1 a 0 e depende somente de um empate para avançar às finais da competição.

O técnico Luiz Felipe Scolari, já prevendo “chororô” do rival alvinegro sobre a escalação de reservas diante do Fluminense, se antecipou e confirmou que “não quer nem saber” de reclamações por ambas as partes, tanto do Corinthians quanto da Federação Paulista de Futebol, que já admitiu ser ruim para o futebol paulista essa desfeita ao Nacional.

“Eu tenho que fazer o meu trabalho pelo Palmeiras. Eu não tenho que me preocupar com federação, com reclamação de A ou de B. Eu tenho que saber que a equipe que eu dirijo tem dificuldades nas duas competições e que uma deve priorizar, e está sendo priorizada. Se quiserem entender que entendam, se não quiserem não estou preocupado não,” disse o pentacampeão mundial.

Felipão tem problemas para armar a equipe diante do Fluminense. Gualberto e Fabrício deverão cumprir suspensão automática e estão fora. Para o jogo decisivo da Sulamericana, Felipão não poderá contar com Valdívia, machucado, e o goleiro Marcos, em fase final de recuperação. O meia Lincoln ainda é dúvida para enfrentar o Goiás.

Os goianos foram rebaixados no campeonato nacional neste final de semana, após goleada diante do Santos por 4 a 1.

Comentários

comentários