Presidente do Palmeiras aceitou ser chefe da delegação do Brasil.

Por Thiago Gomes

O atual presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, aceitou ser chefe da delegação da seleção brasileira nos dois amistosos que o time disputará, contra Itália e Rússia, na Suíça e em Londres, consecutivamente.

Nobre viaja domingo e retorna no dia 26 de março. O atual presidente vai embarcar no mesmo voo que o técnico Luiz Felipe Scolari, ex-treinador do Palmeiras.

A CBF repete a atitude que teve com Arnaldo Tirone. Tirone acompanhou a seleção em dois amisostos, dois meses após assumir o cargo-mor no clube.

Comentários

comentários