No momento de maior pressão para demitir Alexandre Mattos, Paulo Nobre fortalece o dirigente remunerado do Palmeiras. A pessoas próximas, o presidente do alviverde afirma confiar em seu funcionário e não ver motivos para mudança.

LEIA MAIS:
Liberdade de opinião ou blindar o Palmeiras?
Palmeiras faz reunião com VIP’s
Verdão fica próximo de anunciar novo técnico
COMPRE AGORA! Camisas do Palmeiras com desconto diretamente da loja oficial. Confira
Que tal trabalhar com futebol e ganhar mais de R$ 2.000,00 por mês? É possível. Clique aqui

Porém, o maior fortalecimento vem da decisão de contratar Cuca para a vaga deixada por Marcelo Oliveira. De acordo com o Blog do PVC, quem negocia com o Palmeiras por Cuca é o empresário Eduardo Uram, justamente o nome que mais provoca críticas a Mattos.

Conselheiros e integrantes do COF (Conselho de Orientação e Fiscalização) reclamam da quantidade de atletas ligados ao agente contratados pelo clube. São os casos de Vagner, Roger Carvalho, Erik, Rodrigo, Vitor Hugo e Egídio, entre outros.

Nobre, porém, como forma de apoio a Mattos, já afirmou publicamente que não vê problema no fato de muitos jogadores terem vínculo com o mesmo empresário.

Mas, a insistência em trazer jogadores (e agora técnico) representados por Uram, não é o único argumento contra Mattos. Além disso, os críticos afirmam que ele não soube avaliar o trabalho dos treinadores que passaram pela equipe deixando de cobrar as mudanças necessárias.

Esse cenário gera uma situação desconfortável para a chegada de Cuca, que deve ser anunciado nas próximas horas como treinador do clube. Já há pressão para tentar evitar eventuais contratações de aletas indicados por Cuca e que sejam clientes de Uram.

Fonte: Blog do Perrone

Comentários

comentários