Novos projetos e melhores ataques: Palmeiras e São Paulo medem forças

Equipes de Eduardo Baptista e Rogério Ceni protagonizam clássico com promessa de muitos gols na arena alviverde. Ex-goleiro volta a estádio para tentar quebrar tabu

0
481
O jogador Dudu, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Rodrigo Caio, do São Paulo FC, durante partida válida pela vigésima terceira rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na Arena Allianz Parque.


Os dois times que mais marcaram gols no Campeonato Paulista deste ano são comandados por técnicos que começaram seus respectivos projetos neste ano. O São Paulo de Rogério Ceni, com 21 gols, e o Palmeiras de Eduardo Baptista, com 14, medem forças neste sábado, às 16h (de Brasília), na arena alviverde, pela oitava rodada do Campeonato Paulista.

Ambos têm situação tranquila no torneio estadual e lideram seus grupos com sobras. Nas competições que disputam paralelamente ao Paulistão, as situações são diferentes. Enquanto o Tricolor bateu o ABC por 3 a 1 no jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil e tem vantagem até de derrota por um gol na volta, o Verdão precisa vencer o Jorge Wilstermann, da Bolívia, na primeira partida em casa na Libertadores para não se complicar.

O São Paulo não perde há mais de um mês. A única derrota nesta temporada foi o 4 a 2 para o Audax, na primeira rodada do Campeonato Paulista. O Verdão, por sua vez, tropeçou duas vezes nesta temporada.
Cada um jogou apenas um clássico nesta temporada – ambos fora de casa. O Tricolor venceu o Santos por 3 a 1 na Vila Belmiro, enquanto o Palmeiras foi derrotado por 1 a 0 pelo Corinthians em Itaquera.
Desgastado após empate em 1 a 1 com o Atlético Tucumán, na Argentina, o Verdão utilizará uma equipe mista. Confiante na força do elenco, Eduardo Baptista acredita que é possível fazer um jogo à altura do clássico com os jogadores considerados reservas, que não atuaram por muito tempo ou simplesmente não entraram em campo na Argentina.

Com uma logística incomparavelmente mais tranquila nos últimos dias, o Tricolor tenta quebrar um tabu na nova casa do rival. Utilizando força máxima, Rogério Ceni volta à arena alviverde após ter sofrido sete gols em duas partidas em 2015: 3 a 0 pelo Paulistão e 4 a 0 pelo Campeonato Brasileiro.

Veja as informações do Choque-Rei:
Local: arena do Palmeiras, em São Paulo
Data e horário: sábado, 16h (de Brasília)
Palmeiras provável: Fernando Prass; Fabiano, Mina, Vitor Hugo e Egídio; Thiago Santos e Tchê Tchê; Michel Bastos, Guerra e Willian; Borja (Róger Guedes)
Desfalques: Felipe Melo (suspenso), Zé Roberto, Edu Dracena (poupados), Thiago Martins e Moisés (machucados)
Pendurado: Keno
São Paulo provável: Denis; Buffarini (Bruno), Douglas (Breno), Rodrigo Caio e Junior Tavares; João Schmidt, Thiago Mendes e Cícero; Cueva, Luiz Araújo e Pratto
Desfalques: Wesley, Maicon e Sidão (machucados)
Pendurados: Rodrigo Caio, Lugano, Buffarini e Cueva
Arbitragem: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza, auxiliado por Bruno Salgado Rizo e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Transmissão: Premiere e PFCI (com Milton Leite e Mauricio Noriega); Rádio Globo/CBN
Tempo Real: GloboEsporte.com, a partir de 14h

Comentários

comentários