Roger Machado não deve poupar titulares contra o Barranquilla; Palmeiras quer liderança geral

0
2987


O Palmeiras encara o Júnior Barranquilla nesta quarta-feira, às 21h45, no Allianz Parque, arena palmeirense. O jogo é válido pela última rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América.

O técnico Roger Machado não deve poupar titulares mesmo com a classificação garantida. A pressão pela derrota contra o Corinthians por 1 a 0 no último final de semana deve fazer o treinador entrar com força máxima.

“Roger chegou aqui e fizemos um bom Campeonato Paulista, que infelizmente não conquistamos. Ele faz um bom trabalho e para que a equipe possa jogar bem e vencer acho que tem que ter sequência. Só isso. Estamos na frente na Libertadores, peleando na Copa do Brasil, na parte de cima da tabela no Brasileiro. Lógico que a torcida fica brava, mas a verdadeira torcida acredita no trabalho do Roger”, disse Alejandro Guerra.

Após o duelo desta noite, o Palmeiras terá mais jogos em casa. A sequência na arena palmeirense deve aproximar mais os torcedores e amenizar um pouco a pressão. Entre essas partidas, terá a decisão da vaga nas quartas de final da Copa do Brasil contra o América-MG. Bahia e Sport encerram a sequência caseira alviverde.

O Boca Juniors estará acompanhando de perto o duelo do Verdão. Torce por uma vitória palmeirense e espera vencer o Alianza Lima. Se o Barranquilla arrancar resultado positivo, os argentinos estão fora da fase classificatória mata-mata.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X JUNIOR BARRANQUILLA

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 16 de maio de 2018, quarta-feira
Horário: 21h45 (de Brasília)
Árbitro: Enrique Cáceres (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo e Juan Zorilla (PAR)

PALMEIRAS: Jailson (Weverton); Mayke, Antônio Carlos, Luan e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Tchê Tchê e Guerra; Keno (Hyoran), Dudu e Willian (Borja)
Técnico: Roger Machado

JUNIOR BARRANQUILLA: Sebastian Viera; Marlon Piedrahìta, Jorge Arias, Jhonatan Ávila e Gabriel Fuentes; Leonardo Pico e Victor Cantillo; Yimmi Chará e Yonny González; Teófilo Gutiérrez e Luis Carlos Ruíz
Técnico: Julio Comesaña

Comentários

comentários