O Palmeiras quer mais um atacante. A lesão de Miguel Borja trouxe certa preocupação para a sequência da temporada.

O colombiano passou por cirurgia no joelho direito e volta em seis semanas. A volta pode acontecer antes, mas ainda assim a possibilidade de novas lesões deixou a diretoria preocupada.

Sem Keno, vendido para o futebol egípcio, o Verdão vai atrás de mais um reforço para o ataque. Deyverson é opção, mas não passa por um bom momento e recebe críticas fortes da torcida palmeirense.

O executivo Alexandre Mattos passou pela Europa, Emirados Árabes e China. Tentou negócio com Bernard, mas ouviu não. O ex-atacante da seleção quer permanecer fora do Brasil e ampliar as possibilidades.

Outro cuidado que Mattos tem tomado é sobre a busca de atletas sulamericanos. Se o alvo já disputou um jogo pela Libertadores, não pode mais defender o Palmeiras na mesma edição. Por isso a confirmação de um novo atleta é considerada difícil e complicada.

Três nomes são mantidos em sigilo. Por conta da necessidade, um deles pode ser anunciado ainda essa semana.

Comentários

comentários