O Palmeiras renovou o contrato do meia Alan Guimarães, de apenas 18 anos. O novo vínculo segue até maio de 2023 e a cláusula de quebra contratual aumentou consideravelmente. Para algum clube tirar Alan do Verdão, terá que pagar quase R$ 200 milhões (a multa rescisória é de R$ 186 milhões).

O jovem será analisado mais de perto pelo técnico Roger Machado. Ele é uma das grandes apostas das categorias de base do clube e muitos entendem que ele tem um caminho de glória no futebol.

Algumas vezes, Alan integrou o banco de reservas do time profissional, mas não entrou em campo. Ele garante não ter pressa e esperará por seu momento.

“Tento sempre pensar que uma coisa vem de cada vez. Estou procurando fazer o melhor trabalho para poder jogar entre os profissionais. Estou tranquilo e, se Deus quiser, vou conseguir conquistar mais esse objetivo“, comentou.

Comentários

comentários