O técnico Felipão, da SE Palmeiras, em jogo contra a equipe do SC Corinthians P, durante partida valida pela vigésima quarta rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na Arena Allianz Parque.


O Palmeiras enfrenta o Cruzeiro na próxima quarta-feira pela semifinal da Copa do Brasil. Serão dois jogos. O segundo será em Minas Gerais, onde a decisão da vaga acontecerá.

Para o duelo no Allianz Parque, o técnico Felipão tem problema para resolver. O atacante Deyverson, estrela do clássico contra o Corinthians, cumprirá suspensão automática. Contra o Bahia, o atacante desferiu cotovelada em Mena e foi punido. Não joga.

O colombiano Miguel Borja ainda não tem condições plenas de jogo. Com lesão grau um na panturrilha, o atacante tem pequena chance de jogar. O Departamento Médico prefere mantê-lo fora para a contusão não se agravar.

A suspensão de Deyverson e a lesão de Borja abrem as portas para Papagaio, atacante do sub-20. Antes mesmo do duelo contra o Corinthians, o jovem treinou com os profissionais e chamou a atenção de Felipão. Na coletiva pós Derbi, o treinador experiente elogiou o atleta da base,

“Quase que coloquei no jogo, faltou um pouquinho. Joga bem, é inteligente, protege bem a bola”, disse.

Willian pode ser uma outra opção, mas dificilmente Felipão colocará o atacante pelo meio. Tanto Willian quanto Dudu são escalados para atuarem nas pontas e darem velocidade ao time no campo de jogo.

Comentários

comentários