O jogador Lucas Lima, da SE Palmeiras, concede entrevista coletiva, após treinamento, na Academia de Futebol.


A chegada do meia Lucas Lima foi cercada de ansiedade. Com bom começo, o jogador caiu de produção e começou a ser questionado.

Sob comando do técnico Roger Machado, teve boas possibilidades, mas não conseguiu desempenhar bom papel. A chegada de Felipão foi primordial para o crescimento na temporada.

Contra o Grêmio, o meia tem a chance de completar seu vigésimo sexto jogo só neste Campeonato Brasileiro. Manteve a regularidade e melhorou muito seu futebol.

Sem Felipe Melo, Thiago Santos deve assumir a vaga. Lucas Lima deve seguir no time e apoiar o trio ofensivo formado por Deyverson (Borja foi convocado pela seleção colombiana), Willian e Dudu.

Desde que chegou, o jogador fez 52 partidas e marcou sete gols. Tem parte importante na campanha que permite o Palmeiras ser líder até o momento com exatos 56 pontos.

Comentários

comentários