Guerra sofre lesão grave no Palmeiras. Período de recuperação é grande

O jogador Guerra, da SE Palmeiras, comemora seu gol contra a equipe do Botafogo FR, durante partida válida pela primeira rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, no Estádio Nilton Santos (Engenhão).

O Palmeiras teve uma péssima notícia nesta segunda-feira (28). O meia Alejandro Guerra passou por exames e teve lesão grave detectada. O jogador se machucou contra o Sport e deixou o campo com dores no pé esquerdo.

O venezuelano passará por cirurgia e deve voltar a treinar em três meses. Ou seja, só volta após a Copa do Mundo da Rússia que começará em junho.

“Tem o azar, eu também faço a mesma pergunta: por que quando estou bem, estou com confiança, eu me machuco ou acontece algo? É azar, é futebol. É assim. Você não quer machucar, aí tem quem fale que vai de uma lesão a outra. Não quero me machucar. mas acontece. Tenho que aceitar, porque isso passa por alguma coisa“, comentou Guerra após saber do fato.

Era o momento da titularidade

Com a queda de desempenho de Lucas Lima, Guerra estava lutando por uma vaga no time titular. E começou jogando contra os pernambucanos. Hyoran, que também está brigando por uma vaga, entrou na segunda etapa e marcou o gol palmeirense. O jovem deve assumir a titularidade contra os mineiros.

Na próxima quarta, o Palmeiras enfrenta o Cruzeiro fora de casa pelo Brasileiro.

  Palmeiras: Mano fala sobre a vitória contra a Chapecoense