O jogador Bruno Henrique, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Palau, do C Cerro Porteño, durante partida valida pelas oitavas de final (volta), da Copa Libertadores, na Arena Allianz Parque.

O Palmeiras recebeu na tarde desta quarta-feira notificação oficial do empresário do volante Bruno Henrique. No documento consta que os chineses do Tianjin Teda querem pagar R$ 25 milhões para bater o martelo e levar o jogador.

Por lá, Bruno Henrique terá vencimentos de R$ 1,7 milhão. A proposta é considerada irrecusável pelo empresário e a intermediação ocorrerá em breve.

O Tianjin tem quatro estrangeiros no elenco. O regulamento da Superliga Chinesa permite apenas três atletas de fora do país relacionados e quatro inscritos. No entanto um estrangeiro deve ser negociado, abrindo espaço e vaga para mais um reforço.

O Palmeiras não comenta possibilidades, apenas fatos. A diretoria se articula para tentar manter o atleta no elenco.