O jogador Borja, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.

O Palmeiras pode perder o centroavante colombiano Borja. Quem confirmou a informação foi o portal de notícias Globo Esporte.

Os empresários do jogador estão recebendo sondagens do futebol chinês. Em breve pode chegar proposta para tirá-lo do Verdão. Recentemente um jornalista disse que ele estava insatisfeito no Verdão. Apuramos a informação e confirmamos que não é real. Ele gostaria de seguir no Brasil, mas proposta da China pode envolver alta carga salarial e seduzi-lo.

Borja tem 70% dos direitos econômicos presos ao Palmeiras. Em 2017 o clube pagou US$ 10,1 milhões, o equivalente à R$ 34 milhões na cotação da época. O valor integral foi pago pela Crefisa. Se vender no valor acima do que foi pago, o Palmeiras fica com o lucro.

Esforço

Maurício Galiotte trabalhou bastante com Alexandre Mattos e conseguiu manter dois craques do elenco. O atacante Dudu e o volante Bruno Henrique renderam grandes elogios à diretoria. Com propostas exorbitantes, ficaram no Palmeiras pelo projeto de conquistar mais títulos e formalizar carreira vencedora.

Além de mantê-los, o clube trouxe Carlos Eduardo, Felipe Pires, Matheus Fernandes, Zé Raphael e Arthur Cabral. Ricardo Goulart, após longa negociação, também foi confirmado e em breve estará pronto para estrear. No entanto não está inscrito no Estadual.

O Palmeiras recebe o Bragantino hoje no Pacaembu pela sexta rodada do Paulista.

  Palmeiras: Mano fala sobre a vitória contra a Chapecoense