O jogador Edu Dracena, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Zé Roberto, do Mirassol FC, durante partida valida pela décima rodada, do Campeonato Paulista, Série A1, no Estádio José Maria de Campos Maia.

O Palmeiras empatou com o Mirassol em 1 a 1. A igualdade no placar impediu classificação antecipada do Alviverde que, no próximo final de semana, vai até o Morumbi encarar o São Paulo.

Antes, porém, o Palmeiras recebe o Melgar na terça-feira pela Copa Libertadores da América. Será a segunda partida na competição continental.

O jogo
Felipão optou por escalar o meia Zé Rafael e o atacante Felipe Pires. Zé, aliás, fez um grande primeiro tempo, caindo pelos lados, jogando pelo meio e alternando.

Miguel Borja protagonizou dois lances incríveis. Primeiro ao tentar um cruzamento de letra e, depois, ao finalizar na cara do gol em cima do goleiro.

Aos 40, Lucas Lima cobrou falta e levou muito perigo. Quase abriu o placar.

Na segunda etapa, o time voltou mais disposto e abriu o placar. Aos 5, Lucas Lima encontrou Miguel Borja. O colombiano tentou driblar o goleiro rival e foi derrubado dentro da área. Gustavo Gómez bateu pênalti e abriu o placar: 1 a 0.

O Mirassol ficou com dez em campo após expulsão de Zé Roberto. Mas a quantidade de atletas em campo não impediu o empate. Rodholfo fez boa jogada pela direita e cruzou. Mayke falhou na marcação e Carlão tocou para as redes, empatando o placar: 1 a 1.

Aos 16, Mayke cruzou e Borja furou de bicicleta. Lucas Lima chutou forte da entrada da área, mas sem direção.

Felipão fez substituições, colocando Carlos Eduardo, Jean e Raphael Veiga. Thiago Santos, Felipe Pires e Zé Rafael deixaram o time. Nos últimos minutos houve pressão, mas sem objetividade. O empate persistiu no placar e o Verdão perdeu a chance de confirmar a classificação para a segunda fase do Estadual.

FICHA TÉCNICA
MIRASSOL 1 X 1 PALMEIRAS

Data: 9 de março de 2019, sábado
Local: Estádio Municipal de Mirassol, em Mirassol-SP
Horário: 16h30 (de Brasília)
Árbitro: Vinicius Gonçalves Dias Araujo
Assistentes: Anderson Jose de Moraes Coelho e Bruno Salgado Rizo
Cartões amarelos: MIRASSOL: Léo Baiano e Zé Roberto. PALMEIRAS: Diogo Barbosa
Cartão vermelho: MIRASSOL: Zé Roberto
Público e renda: 9,6 mil/R$ 585,1 mil

GOLS:
Palmeiras: Gustavo Gómez, aos 5 do 2T.
Mirassol: Carlão, aos 9 do 2T.

MIRASSOL: Matheus Aurélio: Daniel Borges, Riccieli, Leandro Amaro e Alex Ruan; Léo Baiano, Simião (Yuri), Maílton; Zé Roberto, Rodolfo (Felipe Augusto) e Carlão (Sandoval)
Técnico: Moisés Egert

PALMEIRAS: Prass; Mayke, Gustavo Gómez, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Raphael Veiga), Moisés e Lucas Lima; Felipe Pires (Jean), Zé Rafael (Carlos Eduardo) e Borja
Técnico: Luiz Felipe Scolari