O jogador Raphael Veiga, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.

O Palmeiras recebe a Ponte Preta nesta quarta-feira às 21h30 no Allianz Parque, em São Paulo. O jogo é válido pela última rodada do Campeonato Paulista 2019 e marca o fim da fase de grupos.

Classificado antecipadamente para a próxima fase, Felipão deve fazer diversas alterações na equipe que venceu o São Paulo no Pacaembu. Antônio Carlos (suspenso), Gustavo Gomez (convocado) e Luan (lesionado) não podem jogar. Edu Dracena e Thiago Santos devem compor a zaga.

O goleiro Weverton, convocado pela seleção brasileira, é outra ausência confirmada. Prass e Jaílson brigam pela vaga.

O centroavante Deyverson também não poderá jogar. O atleta sofreu lesão no músculo posterior da coxa direita e ficará três semanas em tratamento. Carlos Eduardo pode ser escalado no comando de ataque e Borja deve ficar no banco. O colombiano deverá ser poupado.

Felipe Melo, Thiago Santos, Mayke, Diogo Barbosa, Moisés e Borja estão pendurados. Felipão acenou com a possibilidade de poupá-los para evitar problemas nas quartas, mas a necessidade pode fazer mudar o planejamento.

Com 22 pontos na tabela, o Palmeiras briga com Red Bull e Santos para ser o primeiro na classificação geral. Ser líder da tabela significa decidir todos os jogos ao lado do seu torcedor. Fator super importante.

“Todo jogo é importante. Mesmo classificado, se o Palmeiras não der conta do recado, a cobrança é grande. Temos que fazer nosso papel, independentemente do momento e da posição no torneio”, disse o veterano. “Queremos manter a liderança do grupo e chegar perto da geral, que é nosso objetivo”, disse Dracena.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X PONTE PRETA

Data: 20 de março de 2019, quarta-feira
Local: Allianz Parque, em São Paulo-SP
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcio Henrique de Gois
Assistentes: Eduardo Vequi Marciano e Risser Iarussi Corrêa

PALMEIRAS: Jailson (Prass); Marcos Rocha, Thiago Santos, Edu Dracena e Victor Luis; Jean, Bruno Henrique e Lucas Lima; Carlos Eduardo, Felipe Pires e Borja (Zé Rafael)
Técnico: Felipão

PONTE PRETA: Ivan; Luis Ricardo, Reginaldo, Renan Fonseca e Diego Renan; André Castro, Gerson Magrão, Matheus Oliveira e Tiago Real; Júlio Cesar e Thalles
Técnico: Jorginho