O técnico Felipão e o diretor de futebol Alexandre Mattos (E), da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.

O Palmeiras tem um vasto elenco. Com diversas opções, é natural que o clube adote a medida de liberar quem não é muito utilizado. Ou que não tenha qualquer perspectiva de jogar no futuro.

Após conversas com Felipão e comissão técnica, a diretoria palmeirense decidiu liberar o lateral Fabiano. Sem qualquer oportunidade na temporada, o jogador tem acerto bem avançado com o Internacional e deve viajar para assinar contrato até o final da semana.

A insistência do Colorado em Fabiano se deve à Odair Hellman, atual treinador. Hellman gosta da postura do atleta em campo e acredita ser um grande reforço para a temporada 2019.

Venda que não deu certo

Para fazer caixa, o Palmeiras queria vender Fabiano em definitivo e angariar R$ 5 milhões para os cofres. Os gaúchos, porém, negaram a possibilidade e abriram opção por um novo empréstimo. O Alviverde aceitou, mas não arcará com parte dos salários, ficando a cargo exclusivo do Internacional.