O jogador Dudu, da SE Palmeiras, disputa bola com o goleiro Monetti, do CA San Lorenzo A, durante partida valida pela sexta rodada, fase de grupos, da Copa Libertadores, na Arena Allianz Parque.

O Palmeiras conquistou a vitória contra o San Lorenzo nesta quarta-feira. O magro placar de 1 a 0 deixou o Verdão bonito na Copa Libertadores. O time de Felipão confirmou a liderança geral e a melhor campanha da fase de grupos.

O jogo
O primeiro tempo foi morno. Com sérias dificuldades de armação e mais uma noite infeliz de Miguel Borja, o alviverde não teve muitas oportunidades. O San Lorenzo também não jogou bem e não conseguiu produzir muita coisa.

Pouco antes de terminar a primeira etapa, o Palmeiras melhorou um pouco, mas nada que assustasse o goleiro Monetti.

A segunda etapa começou melhor. Em 15 minutos, duas grandes chances. Moisés recebeu bom passe de Zé Raphael e Monetti saiu muito bem na bola, interferindo no lance. Borja, de cabeça, errou feio. E acabou com a paciência de Felipão, que colocou Arthur Cabral.

Insatisfeito com a criação, Felipão tirou Veiga e colocou Scarpa. E o jogo mudou. Após boa defesa do goleiro do San Lorenzo, Scarpa recuperou bola de fora da área e chutou firme. Com leve desvio, a bola ainda pipocou na frente do guarda-metas antes de entrar: 1 a 0.

Do gol até o fim, nada de emoção. Mas a torcida comemorou bastante o resultado, já que o Cruzeiro foi derrotado pelo Emelec e perdeu a chance de manter a liderança geral que, agora, pertence ao clube de Palestra Itália.

Na próxima segunda-feira, na sede da Conmebol, haverá sorteio para definição dos jogos das semifinais. Quem será o adversário palmeirense na próxima fase?

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS 1 X 0 SAN LORENZO

Data: 8 de maio, quarta-feira
Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Gary Vargas (BOL)
Assistentes: José Antelo (BOL) e Edwar Saavedra (BOL)
Público: 29.204 torcedores
Renda: R$ 1.697.516,65

Cartões amarelos: Mayke, Luan e Felipe Melo (PALMEIRAS); Román Martinez (SAN LORENZO)

GOL
PALMEIRAS: Gustavo Scarpa (23/2T)

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Victor Luis; Felipe Melo, Moisés e Raphael Veiga (Gustavo Scarpa) (Lucas Lima); Dudu, Zé Rafael e Borja (Arthur Cabral)
Técnico: Luiz Felipe Scolari

SAN LORENZO: Monetti; Herrera, Gonzalo Rodríguez, Coloccini, Senesi (Peruzzi) e Damián Pérez; Loaiza e Martínez; Fértoli (Juan Salazar), Reniero e Gustavo Torres
Técnico: Jorge Almirón