O técnico Felipão e o diretor de futebol Alexandre Mattos (E), da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.

O Palmeiras quer seguir uma boa caminhada na temporada. Líder do Brasileiro e classificado na Copa do Brasil e na Copa Libertadores, o clube ainda busca formas de se reforçar na última temporada.

Dois atletas devem deixar o clube em breve: Borja e Guerra. Segundo empresário de Borja, ambos devem ser negociados. Portanto, a busca por novos reforços já começou, ainda mais com a parada para a Copa América. Alexandre Mattos, executivo de futebol, está de olho no mercado e analisa algumas opções.

O atacante Jonas, do Benfica, foi sondado. Aos 35 anos, no entanto, o atleta não tem mais condições de atuar em alto nível. Atualmente sofre de dores na coluna e não consegue mais jogar e colocar sua habilidade 100% em campo. De acordo com o jornal A Bola, Jonas não será negociado com nenhum outro clube e deverá encerrar a carreira nos Encarnados.

Enquanto não fecha com algum centroavante, o técnico Luiz Felipe Scolari deve aproveitar o tempo de parada para preparar Willian Bigode. Voltando de lesão grave, Bigode está pronto para voltar a jogar e já treina com seus companheiros na Academia de Futebol.