O técnico Mano Menezes, da SE Palmeiras, em jogo contra a equipe do Cruzeiro EC, durante partida válida pela décima nona rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na arena Allianz Parque.

O Palmeiras venceu o Cruzeiro pelo placar de 1 a 0. A vitória trouxe a vice liderança do Campeonato Brasileiro. Agora, na próxima rodada, o Verdão vai até o Ceará enfrentar o Fortaleza pela primeira rodada do returno.

Mano explica mudança na zaga do Palmeiras

Mano Menezes escalou defesa diferente hoje. Gustavo Gómez, que voltou da seleção paraguaia, fez dupla com Vitor Hugo. O técnico disse que conversou com Luan e explicou o planejamento.

LEIA MAIS:
Palmeiras vence o Cruzeiro e atinge melhor marca desde 2003
Participe do nosso grupo no Telegram

“Como saiu daqui (Gustavo Gómez) como titular para ir à seleção, não acho justo ser uma penalidade. O mesmo critério valeu para o Weverton. E eu expliquei isso para o Luan. A regra que vale, o que vale para um vale para todos. Assim a gente deixa as coisas claras. Em um grupo de qualidade você precisa ter uma linha para não ficar nada pelo caminho. O sistema vai ganhando consistência. Todos que vão entrar vão ter boa capacidade de render bem. Esse é meu objetivo como técnico.”

“O Palmeiras fez o melhor primeiro turno de sua história nos pontos corridos, dá a dimensão do adversário que está na frente. É possível, temos experiência para saber que uma equipe não consegue manter essa constância o tempo todo. O que cabe a nós é perseguir esse adversário fazendo a nossa parte bem feita. Agora temos um campeonato para disputar, então certamente podemos fazer melhor. Não estou desmerecendo o que foi feito até agora, que foi muito bom em termos de resultado. Vamos tentar jogar bem, como o torcedor gosta de ver seu time. Isso ajuda a construir vitórias importantes.”

Vitória importante

Vencer a partida deste sábado foi de extrema importância em termos de classificação. E o comandante comentou sobre o triunfo ao lado do torcedor palmeirense.

  Palmeiras: Mano fala sobre a vitória contra a Chapecoense

“A gente esperava um jogo difícil. Fazer três vitórias consecutivas em oito dias traria um grau de dificuldade maior. Só nós jogamos na terça-feira, então tínhamos 90 minutos a mais. Penso que no primeiro tempo balançamos bem a bola para chegar do lado, mas exageramos um pouco no cruzamento na área. Como a defesa deles estava bem postada, entregamos mais vezes do que deveríamos. Temos que ter mais paciência, construir com qualidade. Não ir ao canto do campo quando o adversário te induz, o gol fica no meio. Temos que esperar mais. Com um tempo vamos adquirindo. Treinar mesmo vamos treinar na semana que vem. Fizemos apenas pequenos ajustes. Foi visível que a equipe tentou trabalhar mais a bola no chão, que possibilitou duas coisas nítidas. A chegada dos laterais mais vezes e as chegadas dos volantes para concluir.”

Com 39 pontos, o Verdão fechou o primeiro turno na vice-liderança do Nacional.