O jogador Zé Rafael, da SE Palmeiras, disputa bola com o jogador Almeida, da A Chapecoense F, durante partida válida pela vigésima sexta rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, na arena Allianz Parque.

O Palmeiras está vivo na luta pelo título do Campeonato Brasileiro. Com gol de Felipe Melo, Verdão bate a Chapecoense por 1 a 0 em jogo muito eletrizante. O tento alviverde saiu nos acréscimos.

Palmeiras encarou ferrolho

Desde o primeiro minuto de partida, o Palmeiras tentou abrir o placar, mas não conseguiu. A Chapecoense veio com proposta defensiva e conseguiu cumprir exatamente o planejado. Com praticamente onze na defesa, os catarinenses dificultaram a vida do Alviverde em casa.

Aos 45, Dudu limpou o zagueiro e chutou forte. A bola quase entrou.

Pressão palmeirense e gol no final

O segundo tempo foi eletrizante. Abusando da ofensividade, o Verdão foi para cima do adversário. E teve, pelo menos, dez chances claras de gol até o final do jogo.

Willian e Henrique Dourado entraram na equipe. Deyverson e Gustavo Scarpa saíram. O time melhorou um pouco, mas exagerou na arte de perder gols. Com pouca criatividade no meio, o jeito foi apelar para Dudu. E o baixinho deu conta do recado.

Aos 20, Gum deu carrinho em Dudu e foi expulso direto. Por reclamação, Victor Luís, que estava no banco, também foi para o chuveiro. A partir daí, só deu Palmeiras na partida.

Tentando se defender, a Chapecoense quase marcou. Com o time do Palmeiras inteiro no ataque, o visitante aproveitou o momento e contra-atacou. Weverton fez grande defesa.

Com 9 minutos de acréscimo, o gol saiu no final. Bem no final. Após bate rebate, a bola sobrou para Felipe Melo. O volante, de forma consciente, estufou as redes. Vitória palestrina e alívio.

O Flamengo venceu o Fortaleza de virada e chegou aos 61 pontos. Com a vitória em casa, o Palmeiras somou 53 e segue na briga.