URGENTE! Alexandre Mattos não é mais diretor de futebol do Palmeiras

A derrota para o Flamengo pelo placar de 3 a 1 derrubou o técnico Mano Menezes do Palmeiras. A pressão, que já estava insuportável, aumentou de forma considerável após o revés contra o Fluminense no Rio de Janeiro, no meio da semana.

Após a saída de Mano, Alexandre Mattos, executivo de futebol, também deixou o  departamento. A decisão foi em comum acordo entre o Palmeiras e o profissional, que entendeu a postura do clube e o momento atual.

Protestos da torcida do Palmeiras

Uma das organizadas do Palmeiras começou uma série de protestos contra Mattos desde a queda para o Grêmio na Copa Libertadores. Algumas manifestações aconteceram até na porta de sua casa, em Alphaville. Sua esposa recebeu uma coroa de flores sem remetente, em tom de ameaça.

Antes de enfrentar o Grêmio, Mattos conversou com a imprensa e garantiu Mano Menezes. Confessou que houveram erros nas contratações e que a estratégia iria mudar. Confirmou cinco atletas da base no profissional. E depois viu o Palmeiras perder para os gaúchos com futebol apático.

Histórico

Mattos chegou em 2015 ainda sob o comando de Paulo Nobre. Teve carta branca para contratar e trouxe diversos atletas, entre eles Arouca, Rafael Marques, Dudu e Zé Roberto. Foi vice-campeão Paulista e conquistou a Copa do Brasil.

No ano seguinte, com algumas contratações pontuais, Mattos reforçou o time que foi Campeão Brasileiro.

Em 2017, o ano passou em branco e as primeiras críticas ao trabalho dele foram feitas por parte dos palmeirenses.

Ano passado, a queda na Libertadores para o Boca Juniors deu espaço para o time saltar no Nacional. E com boas partidas, conquistou mais um título nacional.

Mais informações em instantes.

LEIA MAIS:
URGENTE! Mano Menezes não é mais técnico do Palmeiras
Apático, Palmeiras perde para o Flamengo e Mano deve cair