O jogador Dudu, da SE Palmeiras, durante treinamento, na Academia de Futebol.


O Palmeiras recebe o Atlético-PR na noite desta quarta-feira (5) no Allianz Parque. O jogo é válido pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O técnico Luiz Felipe Scolari não confirmou, mas deve mandar força máxima à campo. Luan, o lateral esquerdo Diogo Barbosa e o atacante Hyoran estão suspensos e não podem jogar. Como o Palmeiras enfrentou viagem de 12h para voltar de Chapecó, a comissão técnica deve escalar quem está mais descansado. Por isso, a escalação deve ser Weverton; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Vitor Santos; Thiago Santos, Felipe Melo e Moisés; Willian, Dudu e Borja.

No próximo domingo, o Verdão recebe o Corinthians pelo Campeonato Brasileiro. Dependendo dos resultados, pode até assumir a liderança da competição. E Felipão já garantiu que o time alternativo vai enfrentar o Derbi. Ou seja, os titulares serão preservados para o confronto contra o Cruzeiro, na próxima quarta, pelas semifinais da Copa do Brasil, também diante de sua torcida.

Adversário se recuperando

O Atlético-PR vem de quatro vitórias consecutivas sob o comando de Thiago Nunes. A saída de Fernando Diniz fez bem aos paranaenses, que retomaram os pontos perdidos antes da Copa do Mundo. Deixaram a zona de rebaixamento para brigar no meio da tabela.

Nunes não poderá contar com o ex-palmeirense Raphael Veiga, suspenso. Lucho Gonzáles, que foi poupado na última rodada, volta ao time titular. Os zagueiros Paulo André e Thiago Heleno, recuperados de lesão, devem ficar no banco de reservas.

O duelo começa às 21h.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X ATLÉTICO-PR

Local: Estádio Allianz Parque, em São Paulo (SP)
Data: 05 de setembro de 2018, quarta-feira
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia e Silbert (RJ) Faria Sisquim (RJ)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luis; Thiago Santos, Felipe Melo e Moisés; Willian, Dudu e Borja
Técnico: Luiz Felipe Scolari

ATLÉTICO-PR: Santos; Jonathan, Zé Ivaldo, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington, Lucho González e Bruno Nazário; Nikão, Marcinho e Pablo.
Técnico: Tiago Nunes

Comentários

comentários