Sócios terão que pagar mensalidade 30% maiores.

Além de cortar custos, a diretoria comandada por Paulo Nobre também está promovendo alguns aumentos. O primeiro deles foi a mensalidade do clube.

Durante anos sem aumento, Nobre assinou o reajuste em 30%. Ou seja, quem pagava R$ 70 na manutenção individual, passou a pagar R$ 91.

O atual presidente também cortou parte do desconto. Antes, quem pagava até o quinto dia útil tinha um desconto de 10% na mensalidade. Após a mudança, o sócio terá apenas 5% de desconto.

O fato irritou parte dos sócios. A alegação não é sobre o aumento em si, e sim sobre a falta de respeito em não avisar e nem comunicar os torcedores sobre o reajuste.

Comentários

comentários