Os chineses do Shandong Luneng-CHI estão dispostos a tirar o atacante Dudu do Palmeiras. Neste final de semana, a diretoria do clube chinês aumentou a proposta pelo atleta: de 12 milhões de euros para 15 milhões de euros, o equivalente à R$ 67 milhões.

Além disso, melhoraram o valor salarial do atleta, que já beirava os R$ 2 milhões. Mesmo com todos os requisitos de venda, o Palmeiras negou a proposta. O presidente Maurício Galiotte liderou as conversas e enviou a negativa.

O mandatário palmeirense não quer se desfazer de mais um titular do elenco. O atacante Keno foi vendido meio que ‘à contra gosto’ de Galiotte.

Dudu treinou normalmente na Academia de Futebol. No entanto não encara o Santos no dia 19. Cumprirá suspensão automática por conta de expulsão contra o Flamengo.

Comentários

comentários